Dor no calcanhar pode ser esporão calcâneo – Entenda o que é e saiba como se prevenir

Esporão do Calcâneo

Dor no calcanhar pode ser esporão calcâneo – Entenda o que é e saiba como se prevenir

O esporão do calcâneo é uma calcificação que surge na parte inferior do osso do calcâneo, o problema manifesta-se por dor intensa na região inferior ou interna do calcanhar. O esporão pode afetar qualquer pessoa, mas é mais comum entre mulheres acima dos 40 anos, podendo afetar também os homens. Nós conversamos com a Mestre em ortopedia e traumatologia pela Santa Casa de São Paulo, Ana Paula Simões, para saber se existe alguma forma de se prevenir e manter seu calcanhar saudável.

O que é esporão do calcâneo?

De acordo com Ana Paula, o esporão não é uma lesão e sim uma consequência de uma tração excessiva de uma musculatura intrínseca do pé, pode ser considerada quase uma doença crônica. As lesões são apenas aquelas causadas por um trauma, que não é o caso do esporão no calcâneo.

Causas do esporão do calcâneo

Uma das principais causas do esporão no calcâneo, no caso de corredores, é o excesso de impacto. “Geralmente, é uma tração pelos músculos flexores dos dedos então conforme você faz atividade física, impacto, sobrecarga ou até mesmo o sobrepeso, gera uma tração nesses músculos e eles vão tencionando o osso como se quisesse se ‘descolar’ e o corpo vai tentando manter esses músculos e tendões fixos no osso, o que gera uma calcificação. Isso vai aumentando até criar uma ‘ponta’ no osso”, explica a ortopedista.

Também existem os fatores que são eminentes da anatomia do pé da pessoa, que interferem, principalmente, na pisada. “Quem tem o pé muito cavo, por exemplo, possui essa musculatura mais tensa e encurtada, e quando esse pé que é muito alto vai se acomodar no chão, ele traciona esse osso com uma intensidade muito grande o que pode causar o esporão”.

Tratamento para esporão do calcâneo

Na fase aguda é necessário parar com qualquer tipo de esforço e pôr o pé para cima, fazer a chamada fisioterapia analgésica, com compressas de gelo e anti-inflamatórios. Quando a dor não é tão grande assim, tratamento do esporão calcâneo é focado no alongamento e fortalecimento da musculatura para diminuir a sobrecarga no calcanhar.

Em alguns casos mais graves, há procedimentos mais evasivos, como os feitos com ondas de choque, acupuntura, infiltração e em último caso, até mesmo a cirurgia, que segundo a ortopedista, é muito mais simples hoje em dia já que é feita de forma percutânea, apenas com “furinhos” sendo possível aliviar a tensão e corrigir o problema.

Prevenção do esporão do calcâneo

“Para evitar sofrimentos com esse problema, pode-se melhorar o amortecedor do calcanhar usando um tênis apropriado, fazer bastante alongamento no pé, fortalecer a musculatura da perna e não exagerar na corrida se está com excesso de peso para não forçar demais e gerar trauma na região. No caso de quem tem “tendência” a apresentar o problema, devido a fatores anatômicos, deve passar em um ortopedista, para que ele receite uma palmilha apropriada, que dê sustentação e corrija eventuais problemas de pisada”, indica a ortopedista.

Fonte: Webrun

1Comentário
  • Maria Rita de Cássia Mathias
    Postado em 16:01h, 28 fevereiro Responder

    Moro em Botucatu e durante um tratamento no ante pé esquerdo para olho de peixe com dermatologista comecei a pisar com o calcanhar por uns dois meses até a cura total do olho de peixe e após esse período comecei a sentir uma dorzinha no calcanhar que foi aumentando e foi diagnosticado como esporão de calcâneo. Já fiz fisioterapia, gelo, calor, palmilhas, sapatos adequados e anti-inflamatórios mas a dor aumentou muito nos últimos dias tornando a pisada muito, muito dolorida. Será que a solução será cirurgia ? Muito tempo de recuperação ? Ou devo insistir no alongamento ?

Poste um Comentário