Fisgada? Saiba tratar lesão no músculo adutor da coxa, comum em corrida e futebol

Dor no músculo adutor da coxa pode atingir quem pratica a corrida, lutas ou joga futebol

Fisgada? Saiba tratar lesão no músculo adutor da coxa, comum em corrida e futebol

Sentir uma dor no músculo adutor da coxa significa que você sofreu uma lesão aguda nos músculos da virilha na parte interna da coxa. Embora vários músculos diferentes possam ser feridos, os mais comuns são o adutor longo, curto, magno e o grácil.

Estiramentos nessa região refletem na unidade músculo-tendão, devido à contração vigorosa, muitas vezes durante uma carga excêntrica. Esse termo refere-se a uma contração muscular enquanto o músculo está alongando, versus concêntrico, em que o músculo encurta durante a contração. A maior parte do levantamento de peso envolve contração concêntrica.

As lesões podem ocorrer na origem muscular ou inserção, na junção músculo-tendão, ou dentro do corpo do músculo da região. Geralmente, ocorrem nesta junção. De forma pouco comum, a lesão do tendão ocorre no local de sua ligação com osso. Estiramentos podem ser graduados de um a três, com base na sua gravidade.

Grau 1 – envolve uma lesão leve com algum sangramento, mas sem interrupção significativa da fibra.
Grau 2 – envolve lesão das fibras, mas a integridade geral da unidade é preservada.
Grau 3 – envolve interrupção total das fibras levando a uma perda de integridade do tendão. A maioria das linhagens de músculo adutor são de grau 1 ou 2.

Causas da lesão no músculo adutor da coxa

As lesões ocorrem durante a contração muscular aguda, como quando chutamos, corremos ou patinamos. Fatores que podem predispor um paciente à lesão e os riscos aumentam com:

– Esportes envolvendo aceleração, como corrida, futebol e tênis.
– Esportes com movimentos repetidos, como artes marciais e ginástica.
– Falha no aquecimento, alongar incorretamente ou fadiga por uso excessivo.
– Despreparo físico, musculatura adutora despreparada.

Quais são os sinais e sintomas da lesão no músculo adutor da coxa?

Súbito início de dor, às vezes acompanhado pela sensação de um estalo na parte interna da coxa. Incapacidade de continuar a atividade após o início inicial da dor.

Como é diagnosticado a lesão no músculo adutor da coxa?

História e exame físico são geralmente suficientes para estabelecer o diagnóstico. Os achados físicos incluem sensibilidade à palpação (toque), hematomas na parte interna da coxa e, às vezes, inchaço e calor sobre o local da lesão. Se for um caso mais grave, pode haver um defeito palpável sobre o local da ruptura, embora isso seja incomum.

O teste de amplitude de movimento do quadril geralmente é normal, mas a dor é reproduzida quando o paciente é solicitado a contrair os músculos. Neste caso, pedir ao paciente para trazer sua perna para a linha média (adução da perna) reproduz a dor e é geralmente acompanhada de fraqueza.

Os raios X são quase sempre negativos, mas são apropriados nos casos em que há suspeita no local de inserção óssea ou em atletas/pacientes esqueleticamente imaturos. Em crianças, locais de fixação de unidades de músculo/tendão são vulneráveis ​​à fratura e são mais fracos do que os músculos/tendões.

A RM é indicada em atletas profissionais de elite, nos quais um conhecimento preciso da localização e extensão da lesão pode ajudar na estimativa do retorno à atividade ou, em casos raros, ajudam a identificar quaisquer casos que possam exigir tratamento cirúrgico.

Como é tratado a lesão no músculo adutor da coxa?

A maioria das lesões musculares adutoras respondem ao tratamento conservador. O tratamento inicial inclui modificação da atividade, que pode incluir, temporariamente, muletas. O gelo e a medicação anti-inflamatória são apropriados para as lesões musculares agudas. À medida que os sintomas melhoram, exercícios suaves de alongamento e fortalecimento são apropriados. Seu médico especialista em esporte pode recomendar um programa de fisioterapia para ajudar com estes exercícios.

A cirurgia para essas lesões raramente é necessária. As lesões por avulsão, em que o tendão é puxado para longe com a sua fixação óssea, podem exigir reinserção cirúrgica. Alguns casos de ruptura completa do tendão do músculo adutor podem exigir cirurgia. O reparo envolve uma incisão aberta sobre o local da lesão e o reatamento da origem do tendão, ou reparo de sutura de tecido. A cirurgia também é necessária em pacientes com dor crônica, cujos sintomas não respondem ao tratamento conservador.

Quando retornar?

O tempo fora da atividade varia muito com a extensão da lesão. A maioria começa a melhorar dentro de 10 a 14 dias e continuam a melhorar ao longo de muitos meses. Uma lesão severa pode exigir muletas por várias semanas e levar um período de recuperação mais longo. Alguns pacientes continuarão a lutar com sintomas crônicos leves de dor por mais de seis meses.

Como prevenir?

A maioria (mas não todas) das lesões dos adutores podem ser evitadas através de aquecimento adequado e alongamento antes da atividade. Fortalecimento é fundamental. Se ocorrerem lesões, evite o retorno prematuro às atividades. Treine o gesto esportivo antes para ter certeza que está recuperado!

Bons treinos!

Fonte: Globo Esporte

33 Comentários
  • Rodrigo Gomes
    Postado em 12:43h, 25 novembro Responder

    Estava jogando futebol fui correr deu um estralo na junta da coxa aí não consegui correr e nem joga muita dor na coxa e estava até quente na região d junta da coxa

    • Ana Paula Simões
      Postado em 15:22h, 27 novembro Responder

      Olá Rodrigo, tudo bem?
      Para sabermos o que está acontecendo, preciso primeiro te examinar. Por favor, veja os telefones aqui no site e agende uma consulta para conversarmos sobre isso. Ok? Abraço.

  • Giane Cristina
    Postado em 02:19h, 23 junho Responder

    Fui diagnosticada com tendinite do adutor…já li muita coisa sobre isso…e só falam que é por atividade esportiva ..mas no meu caso foi por má postura no trabalho. .sou pedicure! sem perceber contraía a coxa pra sustentar o peso das pernas das clientes no meu joelho….por 8 à 10 horas por dia. É crônico

    • Ana Paula Simões
      Postado em 12:54h, 25 junho Responder

      Olá Giane, tudo bem? Por favor, agende uma consulta para encontrarmos uma solução. Os telefones está no rodapé do site. Abraço!

  • Felipe
    Postado em 16:01h, 12 junho Responder

    Olá,estou com uma dor,não sei ao certo se é no adutor na coxa,é bem no começo da coxa,no final do quadril,dor e um leve inchaço,a ponto de dificultar ao andar,queria muito saber oq é

    • Ana Paula Simões
      Postado em 02:08h, 15 junho Responder

      Olá Felipe, tudo bem? Não tenho como responder sua pergunta sem te examinar e entender as particularidades do seu caso. Por favor, agende uma consulta para verificarmos isso. Os telefones e endereços está no rodapé do site. Abraço!

  • Elias
    Postado em 23:47h, 27 abril Responder

    Pessoal eu estava jogando futebol quando eu fui chuta.a bola e estralou na minha virilha e passei quase 1 mês sem jogar . Já me sentiam melhor quando fui jogar de novo sentir a mesma dor eu acho que e o músculo grande adutor

    • Ana Paula Simões
      Postado em 14:45h, 30 abril Responder

      Oi Elias, tudo bem? Agende uma consulta para eu te examinar e recomendar o tratamento mais eficaz para você voltar a jogar futebol em breve. Abraço!

  • Gleivanilson Cruz Magalhães
    Postado em 17:59h, 14 abril Responder

    Sou praticante de futebol e futsal. Sempre sofri com lesões musculares ao longo dos anos, principalmente os adutores. Desde o início desse ano de 2018 já tive 3 lesões musculares. As 2 primeiras no músculo anterior da coxa. Voltei a jogar semana passada, após 1 mês de descanso e na segunda partida tive uma lesão no músculo posterior da coxa. Detalhe, eu alongo e aqueço antes das partidas e faço sempre reforço muscular na academia. Será que pode ser algum outro tipo de problema? Tô sempre tendo esses tipos de lesões. O que posso fazer?

    • Ana Paula Simões
      Postado em 11:21h, 24 abril Responder

      Olá Gleivanilson, tudo bem?
      Cada paciente é único e não tenho como responder sua pergunta sem te examinar para entender o seu caso. Por favor, veja os telefones que estão aqui no site e agende uma consulta para descobrirmos o que está acontecendo. Abraço!

  • Carlos Henrique
    Postado em 01:20h, 30 março Responder

    Doutora eu lesionei a quase uma semana jogando futebol, consigo andar e correr normalmente mais na hora de pressionar alguma coisa com a perna doi muito . Oque faço para melhorar mais rápido

    • Ana Paula Simões
      Postado em 11:04h, 04 abril Responder

      Oi Carlos Henrique, tudo bem? Repouso sempre ajuda, mas o ideal é você procurar um médico para que ele te examine, pois pela internet é difícil eu fazer o diagnóstico, OK? Se desejar, poderá agendar uma consulta pelos telefones que estão aqui no site. Melhoras!

  • PATRICIA J. SANTOS
    Postado em 14:41h, 19 fevereiro Responder

    Bom dia, Drª Ana Paula
    Estou fazendo reabilitação do joelho (condromalácia), e ao executar um agachamento livre sem carga, senti a parte interna da coxA. Terminei a série e nas últimas fiz descendo menos. Mas sinto até hj o incômodo e não fiz mais, só no aparelho de pilates. Acho que foi mal aquecimento, fiz longe da presença do fisioterapeuta. Isso é grave? Não consigo cruzar a perna afetada por cima da outra perna. Pode me orientar?

    • Ana Paula Simões
      Postado em 12:32h, 22 fevereiro Responder

      Olá Patrícia, tudo bem?
      É difícil te orientar sem antes te examinar para saber o que aconteceu. Por favor, agende uma consulta comigo para eu te examinar e dar a orientação correta. Abraço!

  • João Paulo
    Postado em 18:02h, 19 janeiro Responder

    Boa tarde Dr. Ana!

    Fazem 4 semanas que lesionei o músculo adutor da coxa esquerda jogando futebol, fiquei 4 dias mancando e logo após surgiu um hematoma roxo que durou 7 dias. Fiquei de repouso e aplicando gelo até o hematoma sumir, no momento parece estar normal, sem dores e caminhando normal. Quando posso fazer exercícios (Quais exercícios) para fortalecer e voltar a jogar futebol.. Abraço!

    • Ana Paula Simões
      Postado em 10:18h, 22 janeiro Responder

      Olá João Paulo, tudo bem?
      Cada paciente é único e as recomendações podem variar. Também é preciso fazer exames para obter um diagnóstico. Por favor, agende uma consulta para conversarmos sobre isso e avaliar o seu caso. Abraço!

  • Almir Pereira da Silva
    Postado em 04:18h, 27 dezembro Responder

    Olá Dra. Ana Paula
    Eu lesionei os musculos adutores das duas coxas treinando kung fu, acredito q foi forcando nas posturas e nos chutes, e estou sentindo dores ja faz uns 3 meses, Fui no pronto socorro e os antiflamatorios q eles passaram nao funcionou muito bem,e entao fui em dois ortopedista, um disse q era distensao muscular, pediu para eu fazer uma ultrassom para ver a gravidade, porem, deu um problema na guia, tentei rermarcar mas ia demorar muito, entao marquei outro ortopedista somente para pegar outra guia, mas esse, apesar de mal me atender direito, ja foi dizendo q eu devia parar de treinar kung fu, pois era tendinite. E teria q mudar de atividade. Fiquei muito triste por que treino desde dos 10 anos (tenho 19) e essa é a primeira lesao q tenho, e receber uma noticia dessa somente tocando a minha perna,fiquei desconfiado,so que com medo de ser isso mesmo e eu ter que parar T.T. Mesmo assim fiz a ultrassom (na coxa e no quadril) e o resultado diz que meus musculos estão normais,sem distensão, ainda sim continuo sentindo dores, nao tanto quanto no começo, estou aplicando bolsa de agua quente na regiao, A consulta com o primeiro medico ja esta marcada e ele tinha me dito q fariamos um tratamento quando eu retornasse.
    Desculpa o textão Dra. Eu so estou bastante aguniado pois amo Treinar kk , e gostaria de saber a opiniao de um profissional “com mais tempo”
    Oq voce acha Dra. ?
    Feliz Natal e um Prospero Ano novo ^^

    • Ana Paula Simões
      Postado em 12:18h, 27 dezembro Responder

      Oi Almir , tudo bem?
      Muito difícil eu te dar uma opinião sem te examinar. Por favor, agende uma consulta usando os telefones que estão no site para conversarmos.
      Abraço!

  • Suane
    Postado em 04:07h, 27 dezembro Responder

    Minha virilha sempre estalou e nunca doeu, é normal quando eu estou parada ela pedir para estalar, eu sempre sinto incomodo quando eu paro os exercícios físicos, mesmo eu sendo ativa em atividades físicas do dia a dia. A dor começou a ocorrer, quando depois de dias de exercícios consecutivos que significa muito esforço e por conta de uma abertura só de um lado da perda, eu utilizei steps a virilha tocava no chão enquanto o meu pé e perna ficavam na altura do meu ombro, enquanto isso eu não sentia dor nenhuma, daí resolvi pular, forçar mais, a virilha batia no chão e retornava! O que foi um erro, após 1 dia eu comecei a sentir muita dor na articulação do joelho da perna que alonguei, mas a virilha estava tranquila, nenhuma dor até então… quando um amigo meu pediu para eu escalar/ abrir o espacate do ballet, eu não aguentei descer metade da perna, não consegui escalar, o que antes era super normal! Eu tentei repousar mas não conseguia, fui forçando a virilha mais e mais! Resultado: minha abertura de frente está melhor que antes, e minha flexibilidade do lado da perna esquerda que foi a unica que eu não exagerei no alongamento está bem melhor que antes, porque o foco do alongamento foi para a perna esquerda e a abertura de frente depois desse episodio com a perna direita! Mas ainda sim estou debilitada a escalar com a direita, a virilha agora dói para escalar o que antes não ocorria, não escalo totalmente como antes, e se ela estiver em repouso ela estala mais que antes e com dor, o que antes eu não sentia! Somente hoje até agora estalou 9 vezes só a virilha da perna direita e com dor! A esquerda não doe pq eu não pulei com a virilha da esquerda!
    Continuo alongando, e estou preste a me matricular em uma academia de ginástica, só que com as pesquisas que eu fiz, não é o recomendavel um esporte que vai exigir bastante esforço nessa região!
    Eu devo procurar um fisioterapeuta?

    • Ana Paula Simões
      Postado em 12:14h, 27 dezembro Responder

      Oi Suane, tudo bem?
      Muito difícil responder sem te examinar. Por favor, agende uma consulta usando os telefones que estão no site para conversarmos e eu te indicar o melhor tratamento.
      Abraço!

  • Aguiar
    Postado em 20:36h, 26 dezembro Responder

    Dra
    Qual atividade podemos executar na academia após essa lesão?

    • Ana Paula Simões
      Postado em 12:09h, 27 dezembro Responder

      Olá Aguiar, tudo bem?
      À medida que os sintomas melhoram, exercícios suaves de alongamento e fortalecimento são apropriados. Mas cada paciente é um ser único. Para eu te indicar uma atividade apropriada no seu caso, preciso te examinar. Por favor, agende uma consulta usando os telefones que estão no site.
      Abraço!

  • Márcio Pinheiro
    Postado em 12:34h, 01 dezembro Responder

    Estou usando muletas a um mês e meio já. Tem vezes que as dores são tão forte que mal consigo virar na cama. O provlema veio pela falta de exercícios e uso prolongado de motocicleta. Me indicados o que neste caso? Obrigado!

    • Ana Paula Simões
      Postado em 12:44h, 11 dezembro Responder

      Olá Márcio, tudo bem?

      Cada paciente é único. Para te dar uma recomendação correta preciso te examinar. Por favor, agende uma consulta pelos telefones que estão no site.

      Abraço!

    • Guilherme Gomes
      Postado em 12:08h, 27 maio Responder

      Já melhorou? Qual tratamento você fez?

  • joao
    Postado em 05:36h, 13 novembro Responder

    bom dia gostaria de saber no meu caso já tenho mas de dois meses nessa luta sentindo uma dor no adutor da coxa, gostaria de saber pos coloco gelo e água quente ao mesmo tempo isso é valido para o tratamento, ou ´so coloco um dos dois.

  • Paulo Roberto
    Postado em 05:05h, 18 julho Responder

    Boa noite doutora!
    Tive uma lesão no músculo do tendão com avulsão óssea parcial de mais ou menos 9 cm no início de março desse ano, jogando futebol. Já faz 4 meses que sofri a lesão, já posso começar com um fortalecimento? Se sim, que tipo e como devo iniciar? Desde já agradeço.

    • Ana Paula Simões
      Postado em 12:29h, 19 julho Responder

      Olá Paulo, tudo bem?
      Não consigo te responder essa pergunta sem primeiro te examinar. Por favor, veja os telefones aqui no site e agende uma consulta para conversarmos sobre isso. Ok?
      Abraço!

  • Diego Smaniotto Gasparelli
    Postado em 12:13h, 20 junho Responder

    Bom dia DR. Ana Paula, senti uma leve fisgada no adutor da coxa jogando bola, mesmo assim, não me atrapalhou e consegui continuar jogando, mas com um rendimento um pouco mais baixo devido a preocupação . Queria saber se a Knésio Tape seria eficiente para recuperar essa pequena lesão? Obrigado!

    • Ana Paula Simões
      Postado em 11:34h, 22 junho Responder

      Olá Diego, tudo bem?
      Não consigo te responder essa pergunta sem primeiro te examinar. Por favor, veja os telefones aqui no site e agende uma consulta para conversarmos sobre isso. Ok?
      Abraço!

  • RAFAEL TROVATTI
    Postado em 10:53h, 30 maio Responder

    Bom dia…. estou com dores muito semelhantes a estas apresentadas, consigo jogar futebol, bem de leve claro, sinto um desconforto e depois de 3 dias as dores somem, já tomei muito anti-inflamatório, gelo, pomadas e nada, sempre quando vou brincar aparece o incomodo.

    • Ana Paula Simões
      Postado em 12:03h, 30 maio Responder

      Olá Rafael, tudo bem?
      Para sabermos o que está acontecendo, preciso primeiro te examinar. Por favor, veja os telefones aqui no site e agende uma consulta para conversarmos sobre isso. Ok? Abraço.

Poste um Comentário