Corrida e Musculação: a dupla imbatível para ajudar no emagrecimento

musculacao-corrida

É muito comum notarmos que pessoas que buscam realizar alguma atividade para o emagrecimento, para fugir do sobrepeso ou mesma da obesidade, comecem não por corrida e musculação, mas sim por atividades mais simples como as caminhadas.

 Inicialmente os resultados aparecem e em alguns meses já é possível se arriscar em algumas corridinhas mesmo que intervaladas para melhorar ainda mais o condicionamento e acelerar os batimentos cardíacos e o metabolismo e com isso ver o processo de emagrecimento acontecer!

 De fato, tudo isso contribui para um estilo de vida ativo e saudável, no entanto é importante ressaltar que durante o processo de emagrecimento sustentável, é natural haver redução não somente do tecido adiposo (gorduras), mas também de nossa massa óssea e nossa massa muscular, ainda mais na população acima dos 30 anos, onde já ocorre um decréscimo natural pelo processo de envelhecimento das células e as mudanças hormonais.

 É neste ponto que entra a musculação: para atenuar as perdas musculares e ósseas que o emagrecimento trás. O exercício resistido , além de  reforçar o tônus muscular, auxilia no na prevenção de lesões. Uma vez que os músculos são a base de sustentação para qualquer atividade física.

Durante muitos anos as academias eram locais de quase que de uso exclusivo de atletas de fisiculturismo (para hipertrofia), mas nos últimos anos, vimos que tem se tornado verdadeiros centros de treinamento, que auxiliam à todos em seus mais diversos objetivos:

– reforço muscular, 

– tratamento para redução de dores, 

– recuperação e estabilização das articulações 

 – ganho de massa corporal (hipertrofia), 

– prevenção de lesões 

– e até mesmo redução do percentual de gordura corporal (emagrecimento)

Como a musculação emagrece?

A musculação é uma ótima aliada na perda de gordura, pois os músculos, quando exigidos, necessitam de uma grande quantidade de energia, gastando assim maior quantidade de calorias. Até mesmo em repouso,  quando você tem um aumento da massa muscular temos uma aceleração do gasto energético do corpo.

E mais ainda, a combinação entre musculação e corrida, exercícios exercícios aeróbios no geral, é a forma perfeita para quem quer emagrecer

 NÃO SE ENGANE!

Uma preocupação dos meus pacientes é o peso na balança, visto que quem faz exercício resistido , corretamente , ganhará massa magra – o que, naturalmente, refletirá no peso corporal total (já que a  massa muscular é mais densa do que a massa gorda) ou seja,  pode ser que a balança não mude seu peso ou até mesmo aumente.

Lembre-se que ganhar massa magra é muito positivo e mais importante fazer uma avaliação de composição corporal, que indicará exatamente quais estão sendo seus ganhos e se os exercícios estiverem adequados ao perfil do praticante, o ganho estético e a redução de medidas mostrarão que você  está no caminho certo!

Temos  um leque de opções de como usar a musculação à nosso favor em um treino regular na academia. Para quem corre ou pretende correr, além dos exames médicos preventivos, é importante realizar na academia os treinos de fortalecimento para justamente prevenir lesões e auxiliar no ganho de força. Isso ajudará na base dos educativos, funcionais e à dar resistência.

Detalhe importante: A academia deve personalizar ao máximo seus treinos para seus objetivos, assim durante as sessões de treino, busque realizar todos os exercícios com muita concentração para poder potencializar o músculo trabalhado pois você irá precisar dele no seu esporte e obter resultados satisfatórios. Desta forma, a musculação deve ser usada como uma ferramenta primordial para seus objetivos , seja aumentar volume ( mais kms) , seja abaixar o pace ( ganhar velocidade)  e por isso também a importância de personalizar ao máximo seus treinos. 

A musculação é sua aliada, e é a base de todos os esportes que pode ser a  corrida, ou outra modalidade, assim a sua experiência com esportes se torna mais agradável gerando uma aderência muito maior e mais longeva, vencendo o sedentarismo e o sobrepeso, não é mesmo? 

Bons treinos!

Ana Paula Simões e Darlan Souza @darlansouza 

Bacharel em Educação Física (CREF 015393 G/RS), Especialista em Fisiologia do Exercício, Mestrando em Ciências da Saúde – USP.

Veja mais: Dores na corrida: Quais fazem parte da corrida e quais são preocupantes?

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato! Me segue lá no Instagram: @draanapsimoes

Dra. Ana Paula Simões
Médica do esporte, ortopedista e traumatologista, professora instrutora e mestre pela Santa Casa de São Paulo, especialista em medicina esportiva e cirurgiã do tornozelo e pé.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

× Entre em contato!