Quanto vale o médico?

Em geral, todos os profissionais da Saúde recebem muito pouco dos planos de saúde. Mas posso falar com mais detalhes dos médicos, conforme segue.

Aos que me perguntam por que não atendo convênios:

– Minha primeira consulta normalmente dura mais de 1h e cada retorno mais de 30 minutos

– A maioria dos convênios mais aceitos, “populares”, paga entre R$ 30 e 45,00 por consulta. E obriga o médico a fazer retornos até 30 dias depois da primeira consulta, SEM qualquer remuneração adicional

– Reavalio meus pacientes, após a primeira consulta, em menos de 30 dias, para acompanhá-los mais de perto.

Faça, pois, os “cálculos de convênio”: se eu atender 10 longas horas de Segunda a Sexta, supondo o movimento “tradicional” de consultório de 50% de primeiras consultas e 50% de retornos, atenderei 15 pacientes (nos meus moldes atuais de atenção aos pacientes), recebendo cerca de R$ 200,00 por dia (10 retornos, não remunerados em sua grande maioria e 5 primeiras consultas). Mas não nos esqueçamos que este é o valor bruto… Supondo despesas de 40% para manter um consultório (ou pagar porcentagem para trabalhar em um), sobrarão 120,00 líquidos POR DIA. Ao final de um mês comercial, após trabalhar mais de 200 horas e atender mais de 300 pacientes, sobrará um “salário” de cerca de R$ 2.500,00. E isto, já assumindo mais que as normais 8h de trabalho por dia (para qualquer outro profissional) e supondo-se um consultório sempre “cheio” e que os convênios não “glosem” nada (assim deixando de pagar pelos serviços realizados).

Por isso vários colegas médicos são FORÇADOS a atender mais pacientes por dia, com bem menos tempo para avaliar e tratar cada um deles, assim “obrigados” a aumentar suas jornadas diárias de trabalho, o que gera mais stress e desgaste do profissional, que também é um ser humano e, destarte, também tem problemas e adoece. E some-se a isso tudo: nenhum convênio paga o tempo que o médico ainda tem que gastar para estudar e assim manter-se atualizado, em benefício do próprio paciente (e os congressos, cursos, especializações e afins)…

Por tudo isso, gostaria muito de atender as dezenas de pacientes que, semanalmente, ligam querendo marcar consultas por convênio. Mas como fazer isso sem penalizar o paciente (reduzindo os tempos de consulta) de alguma forma? Afinal, todos temos contas para pagar.

Leiam a notícia recente abaixo e comprovem tudo o que eu disse. Algo realmente está errado e prejudicando a nós todos, não? Médicos e pacientes.

Quanto vale o médico?

Consulta é menos valorizada que serviços em geral

O valor médio da consulta em plano de saúde individual, que em 2008 valia R$ 40,39, caiu para R$ 38,93 em 2009, segundo dados da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), apurados a partir de informações oficiais das próprias operadoras. Dados das entidades médicas mostram que há planos de saúde que pagam menos de R$ 25 por consulta, valores inferiores aos declarados à ANS. Em São Paulo, a média paga pelos planos de saúde é R$30,00 a consulta.

Em março de 2010 foram contabilizados 43,2 milhões de brasileiros vinculados a 1.195 operadoras de planos privados de assistência médica. Os médicos foram responsáveis, em 2009, por acompanhar mais de 4,7 milhões de internações de usuários de planos de saúde e realizaram mais de 223 milhões de consultas desta população usuária da saúde suplementar.

Enquanto o valor da consulta médica diminuiu, no mesmo período a receita das operadoras médico-hospitalares cresceu 8,1%, de 2008 para 2009. Os planos de saúde faturaram R$ 63,9 bilhões em 2009. Ao comparar o valor da consulta médica com diversos serviços gerais prestados (veja quadro abaixo), percebe-se a desvalorização do trabalho médico pelos planos de saúde. A consulta médica vale aproximadamente dez vezes menos que 40 minutos de animação de mágico em festa infantil; seis vezes menos que a apresentação de um palhaço; cinco vezes menos do que uma escova progressiva em cabeleireiro e é menos valorizada que serviços pontuais de pedreiro, pintor, encanador, eletricista etc. Uma consulta médica, na maioria das vezes, exige anamnese, exame físico e exames complementares para se chegar ao diagnóstico final e à conduta terapêutica e tratamento adequado.

Todas as profissões mencionadas a seguir merecem o respeito, o reconhecimento e a devida valorização da sociedade. A comparação tem o único propósito de revelar o descaso dos planos de saúde com os médicos.*

Média (R$)

Profissionais/serviços pontuais

Médico: consulta médica* ……………………………………. 38,93

Sapateiro: troca de sola inteira………………………………… 43,00

Pet shop: banho e tosa em cachorro………………………… 51,00

Eletricista: instalação de chuveiro elétrico ………………….. 57,00

Faxina (8h/dia) ………………………………………………….. 67,00

Pintor: pintura de 10m2 ………………………………………. 80,00

Cabeleireiro: escova progressiva ……………………………… 204,00

Encanador: reparo de válvula de descarga de banheiro…… 69,00

Pedreiro: instalação de batente de porta……………………. 167,00

Animador de festa: palhaço (2 horas de trabalho)…………. 251,00

Animador de festa: mágico (40 minutos de trabalho)……… 385,00

Valor médio nacional de consulta médica de plano de saúde individual – Fonte: ANS/2010. Dados das entidades médicas mostram valores ainda menores, abaixo de R$ 25,00 por consulta. OBS: Valores médios de mão-de-obra de outros serviços. Fonte: Datafolha/Datacasa – Pesquisa de preços realizada com base em informações cedidas por agências especializadas em serviços domésticos e anúncios dos principais jornais na cidade de São Paulo.

Artigo originalmente publicado em: Dr. Ícaro Alves Alcântara .

Dra. Ana Paula Simões
Médica do esporte, ortopedista e traumatologista, professora instrutora e mestre pela Santa Casa de São Paulo, especialista em medicina esportiva e cirurgiã do tornozelo e pé.

8 Responses to “Quanto vale o médico?

  • Bom dia!
    Gostaria de saber o valor de uma consulta. Não sou atleta, mas sinto muita dor no calcanhar.
    Fico no aguardo de uma breve resposta.
    Agradeço desde já.

    • Ana Paula Simões
      5 anos ago

      Oi Neide,

      Atendo somente particular e pelo sistema e reembolso, mas fique tranquila que se seu plano dá direito, por esse sistema que vou explicar abaixo, você recebe tudo de volta. Assim como nas cirurgias.

      Minhas secretarias são treinadas para dar mais esclarecimentos, caso reste dúvidas. É só ligar nos números de telefone que estão no meu site!

      Como funciona?

      1- O associado (você) pode escolher o prestador de serviço de sua confiança (médico(a)) – que não precisa pertencer a nenhuma rede credenciada (meu caso).

      2- Você paga a consulta e num prazo máximo de 30 dias (de acordo com o plano e se esta opção estiver em seu contrato) a seguradora/plano deve reembolsá-lo(a).

      3- Se a seguradora não cumprir o prazo o consumidor deve denunciá-la. A operadora também deve informar de modo claro qual é o valor a ser reembolsado. Se não o fizer, o consumidor pode exigir o reembolso integral das consultas, segundo o PROCON.


      De acordo com a ANS o plano de saúde não é obrigado a anexar a tabela de reembolso nos contratos, mas é obrigado a informar pelo atendimento como chegou ao valor reembolsado. De acordo com o PROCON, o artigo 46 do Código de Defesa do Consumidor diz que o conhecimento prévio é direito do consumidor. Nesse caso, o PROCON entende que, já que a empresa não é clara em quanto irá reembolsar à consumidora, esta tem direito ao reembolso integral.

      Pela lei os reembolsos deveriam ser reajustados de acordo com os aumentos concedidos nas mensalidades. O problema é que as tabelas de reembolso não são de fácil acesso ao consumidor e fica difícil estabelecer essa relação. A única maneira de resolver o problema é denunciando de forma sistemática à ANS e aos PROCON.


      O que você precisará para solicitar o reembolso ao plano de saúde?


      Na ocasião em que efetuar o pagamento da consulta solicite o recibo com carimbo do CRM e envie para a empresa/ plano para ter o ressarcimento do valor.



      Se ter acesso a saúde é direito de todo cidadão, ter plano de saúde lhe dá o direito de escolher o médico de sua preferência!

      OK? Espero ter sido clara, e aguardo seu agendamento. Os telefones e endereços estão no meu site para você escolher como preferir.

      Se for caso de cirurgia, a internação e os custos hospitalares são pelo plano de saúde.

  • Julianacarvalho
    5 anos ago

    Oi minha mãe tem verruga plantar com veias há uns 20 anos .. fez 2 cirurgias e não resolveu.
    Ela tem 68 anos não temos convênio.. somos simples .. mas vi em sua matéria esperança de cura-lá.. qual preço da consulta? E qual melhor profissional pra avalia-lá da sua clínica? E se tiver que fazer nova cirurgia e catequização e muito caro. Preciso de sjuda.

    • Ana Paula Simões
      5 anos ago

      Oi Juliana,

      Mandei a resposta diretamente no seu e-mail. Abraço!

  • Fábio Rogério Prado de Oliveira
    5 anos ago

    Boa noite!
    Dr. Ana , estava vendo sua entrevisra no youtube e vi uma em que fala que não se preocupe tanto em corrigir a pisada com certo tipo de calçado(tênis) pois poderia prejudicar outra coisa e que talvez com palmilha resolveria e com uma fisioterapia e fortalecimento e gostaria de começar a correr e estava pesquisando teste de pisada e cai no seu vídeo sobre pisada e gostei e gostaria de passar por uma consulta para uma avaliação , pois tenho joanete e em uma cirurgia de artroscopia no joelho direito acabei tendo trombose e fiquei um mes coma perna para cima e a perna afinou e fiz fisioterapia mas ate hoje percebo uma pisada diferente e ai da acho minha perna um pouco fina e só fiz 3 semanas de fortalecimento em academia e nunca mais fiz fortalecimenro e comecei a andar de bicicleta em trilha e agora quero começar a caminhar e correr , porém gostaria de uma melhor avaliação.

    • Ana Paula Simões
      5 anos ago

      Será um prazer ajudá-lo Fábio! Por favor, veja os telefones aqui no site e agende uma consulta para conversarmos sobre isso. Ok? Abraço.

  • Aline Toledo
    4 anos ago

    Boa noite, estou usando a pouco tempo um plano de saúde e fui a uma consulta com dermatologista para tratar de espinhas e durou nada mais que 5 minutinhos… confesso que fiquei um pouco desapontada pois não tive nenhuma orientação de cuidados com a pele visto que irei fazer um tratamento mais profundo para a cura da acne… me veio a mente essa questão de “quanto será que a doutora recebeu para me atender?” Fui pesquisar no google e encontrei seu post que, por sinal, é muito esclarecedor. Mas, já que não há a obrigatoriedade de um médico ser credenciado a um convênio por que então muitos aceitam e atendem desta forma? Tudo bem, não precisa ser uma consulta de uma hora, mas dar uma atenção, trazer questionamentos durante o atendimento que vão ajudar o paciente, que leve pelo menos 15 ou 20 minutos, já que a dra. credenciou o convênio … essa consulta foi muito rápida mesmo, enfim só foi um desabafo.

    • Ana Paula Simões
      4 anos ago

      Oi Aline, entendo seu desabafo e sugiro trocar de médica. Sua relação com a mesma inicialmente já não foi boa, imagine as próximas. Seu plano dá reembolso de consulta?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

× Entre em contato!